Script Macromedia Flash
   
Topo 1
Topo 2

Composição

Coordenador:
Carla Simão (nefrologia pediátrica)                 

Elementos constituintes:  
José Eduardo e Silva (nefrologia pediátrica)
Margarida Abranches (nefrologia pediátrica)
Patricia Mendes (ciclo EE nefrologia)
Duarte Martins (cardiologia pediátrica)
Helena Jardim (nefrologia pediátrica)
Cármen do Carmo (nefrologia)
Filomena Teodoro (matemática)
Ana M. Teixeira  (cardiologista pediátrica)       

Definição
O grupo de trabalho de Hipertensão Arterial, da Sociedade Portuguesa de Pediatria (SPP), constituído em fevereiro de 2014, integra-se nas atividades gerais da SPP, no âmbito das medidas a desenvolver na área da promoção da saúde e da prevenção da doença cardiovascular na população pediátrica. 
Objetivos
  • Emitir pareceres, assessorar e representar a Direção da SPP na área da hipertensão arterial.
  • Sensibilizar a população em geral e os técnicos de saúde em particular, para a necessidade de avaliação periódica da PA neste grupo etário, segundo as recomendações da sociedade europeia de HTA.
  • Assinalar anualmente o dia mundial da HTA com desenvolvimento de atividades nos serviços e informação nos media com o intuito de sensibilizar os pais e técnicos de saúde para a importância desta patologia 
  • Estimular a aquisição de conhecimentos sobre HTA, fator de risco independente, importante e potencialmente reversível de doença cardiovascular (DCV), por parte de todos os profissionais que interagem com esta população.
  • Promover formação, sob a forma de comunicações orais e escritas, que contribuam para organizar e melhorar os diferentes pontos de vista inerentes à abordagem desta patologia na criança e adolescente.
  • Promover um estudo nacional para avaliar a prevalência da HTA na população pediátrica portuguesa e procurar identificar fatores de risco modificáveis, sobre os quais seja possível intervir, melhorando a qualidade de vida e a sobrevida desta população.
  • Colaborar na regulamentação e aplicação de legislação nacional no âmbito da Rede Nacional de Cuidados Saúde que visem melhor controlo dos fatores de risco de HTA, maior precocidade diagnóstica e orientação terapêutica, de modo a contribuir para diminuir a morbilidade e mortalidade na idade adulta por DCV.
Funcionamento
Este grupo de trabalho reporta à Direção da SPP e é constituído por um grupo de pessoas com conhecimento nesta área e com interesse e/ou trabalho na área.  

A atuação do grupo basear-se-á em critérios de evidência e na criação ou adaptação de ferramentas  e modelos de organização de serviços. 

O grupo deverá reunir-se, de preferência de forma presencial, sempre que necessário à concretização atempada dos seus objetivos. Caso seja impossível reunir presencialmente em tempo útil, será utilizada a via eletrónica. 

Sempre que necessário a Comissão poderá solicitar a colaboração de outros elementos que pela sua reconhecida competência em áreas específicas poderão contribuir para o trabalho deste grupo. 

A Comissão poderá ser contactada através do secretariado da SPP.

Financiamento
O financiamento das suas atividades será suportado pela Direção da SPP, após proposta e concordância prévia. Este apoio inclui o pagamento das deslocações indispensáveis dos seus membros para as reuniões da Comissão. A aquisição de material para o estudo nacional poderá vir a ser solicitada à industria farmacêutica, em nome da SPP.
Outros
Tudo o que não constar destas normas é remetido para os estatutos da SPP.